Revista Rosa

Volume 5

5

Quatro poemas

um/a hematoma/afta troca confidências com samambaias/cactos
que escorrem do armário d/o/a quintal/varanda
como baba-de-moça/fios-de-ovos

aperta o/a olho/boca costurad/o/a
com fio-de-nylon/vara-curta
calo/farpa de de um/a marujo/ostra ferid/o/a
escorrendo efeitos/tintas
de agências/macetes de publicidade/jornal

em cima/baixo d/o/a mola/queixo
começa a me/te/lhe brotar
um/a barba/cabelo ásper/o/a

cada vez que apert/o/a/s o/a botão/válvula vermelh/o/a
surge um/a bando/horda de policiais/vespas
com cassetetes/larvas dourad/o/a/s
escudos/fardas reluzentes

a cada arremedo/verruga que nasce
alguém acorda morto/a
n/o/a sábado/quarta de ontem/manhã


ontem acord/ei/ou/aste com um hieróglifo/planta desenhad/o/a n/o/a/s dedos/costas
e não te/m/n/s/ho a/o saída/corredor de fechar o/a/s pálpebras/olhos e mastigar qualquer gosto/coisa
como a blimunda/wolverine d/o/a memorial/afta d/o/a convento/poltrona
com o/a s/eu/ua visão/dom
raio x/ tempestade y

despert/o/a/s com palpitações/berros
como quem corre e abre um/a porta/eco
só que não s/ei/abe/s onde é que dá o/a beco/horta

quando o/as visões/refrões são de mal gosto
vomit/o/a/s n/o/a banheiro/pia
quando el/e/a/s são deslumbrantes é pior ainda

pelos/moscas tilintam frenétic/o/a/s
n/o/a pescoço/pena verde-brilhante
de um/a pomb/o/a pousad/o/a no fio/lâmina de eletricidade/coito
de um/a país/selva remot/o/a
do/a sul/treva global


o/a/s acordes/teclas sim/não concordam
com o/a desnível/colisão entre entre gengiva/anus
ess/e/a festa/enterro está acontecendo
e talvez sim/não aconteça sempre/nunca
que susto/vingança
acordar antes d/o/a disparo/hora
o/a garganta/pulso quer saber
por que se el/e/a pode ser o/a maçaneta/muro
el/e/a não pode ser o/a quarto/cama


tent/o/a/s imaginar sangue/graxa jorrando
d/a/o canto/lateral d/o/a computador/tela adormecid/o/a

outro dia cort/ei/ou/aste um/a jaleco/gravata
vir/ei/ou/aste à/ao avesso/esquerda
para ir n/o/a aniversário/estreia de um/a amig/o/a

a cada sinal/vez que cheg/o/a/s perto d/o/a êxtase/estrada
acord/o/a/s com um/a garfo/flecha vermelh/o/a apontando
para o/a peito/garganta